Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Blog da Margarida

Blog da Margarida

16
Mai13

...

À um mês atrás perdi um dos seres que mais amo nesta vida, talvez o mais puro e mais bondoso que já conheci. O mais alegre, sem dúvida. O que mais me amava, sem nunca pedir nada em troca. Sem que nunca lhe passasse pela cabeça magoar-me ou desiludir-me. Tinhamos uma ligação tão forte que conversamos através de olhares, faziamos pedidos desta forma ao que o outro acedia. Não acredito que isso volte a acontecer, porque aquilo que nós tinhamos era mais do que amor. De tão forte que era só poderia ser obra dos destino ou uma aquelas paixões que seguem as almas por secúlos de reencarnação em reencarnação, não sei. Isso não faz sentido, mas perdê-lo desta forma com esta idade também não fazia.

Por ele, ainda vou conseguir pensar nele sem acelerar a respiração, sem morder o lábio para controlar as lágrimas, e recordar-lo pelo que vivemos em vez do que ficou por viver. 

1 comentário

Comentar post

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2012
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2011
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2010
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D