Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Blog da Margarida

Blog da Margarida

29
Dez16

Achava eu que sabia o que era frio

Como é que sobrevivi 23 anos a estes Invernos glaciais? Adoro este sol, tenho ido à praia todos os dias mas nem consigo aproveitar decentemente as férias por causa do frio. Só a ideia de trocar de roupa ou preparar o banho já me deixa arrepiada. Portugal aquece-me sempre o coração mas já tenho saudades da minha casinha a 24°C, porque ainda que o coração esteja quente (não funciona como aquecimento central) e continuo sem sentir os pés de tão frios que estão.

26
Dez16

O que recebi no Natal?

Uma gripe. Uma gripe daquelas que nem ata nem desata, ando há 4 dias a tomar medicamentos e a bicha nem piora nem vai embora. Como tudo tem um lado bom, estou a ter tempo para pôr em dia a leitura das restantes prendas.

20161224_202622.jpg

23
Dez16

Feliz natal, meus queridos!

Tinha intenção de fazer um post longo e bonito, e qualquer pessoa o teria feito à umas semanas atrás e agendado o post mas eu decidi esperar pelos dias mais próximos do Natal, para entrar mais dentro do espírito natalício em que a emoção está à flor da pele. 

Como sempre deixei imensa coisa para fazer nos últimos dias, e entre jantares de Natal, preparações para a viagem, deixar o trabalho no laboratório todo preparado para duas semanas e meia de ausência (I know, i know, eles sobrevivem sem mim mas nós achamos sempre que o nosso trabalho é o mais importante e que mais ninguém o sabe fazer, certo?) fiquei sem tempo para vos escrever algo longo, bonito, e sincero. 

Ás vezes acho que começo a falar como os velhos, mas no auge dos meus 27 anos a minha vida já me ensinou que realmente o que importa é ter saúde e amor, o resto a gente resolve. Assim sendo, caros leitores, desejo-vos um Feliz Natal junto de quem mais amam, e que 2017 venha carregado de amor e saúde; o resto vocês resolvem!

 

22
Dez16

The D day

Finalmente chegou o dia. Em Julho fiz um quadro em que contava as semanas que faltavam até ao dia de hoje? 23 semanas no inicio, até chegar o 22 de Dezembro. Pois bem, cá estamos. Hoje faço mais uma vez a viagem que tanto gosto de fazer a caminho de casa, de carro como sempre. Poderíamos ir de avião (mas tirando o meu pânico com aviões), não há melhor namoro do que ficarmos enfiados num carro durante 20h com alguém e sem acesso à Internet. 

Temos 2000km para fazer: uma Franca que nunca mais acaba (raio de país mais comprido), uma Espanha que no Verão costuma estar pintada de Amarelo Monótono de inicio ao fim (nunca fiz esta viagem no inverno, logo vos conto) até chegar à tão ansiada placa que diz "Portugal". Daí a casa são dois passinhos, como se costuma dizer.

O blog ficará à deriva com alguns posts programados, dia 9 de Janeiro cá estarei novamente. See you!

 

 

 

 

 

21
Dez16

Protão Invernal

Hoje às 10:44h de Portugal ocorreu o solstício de Inverno, quer dizer que hoje é o dia mais curto do ano. Óptimo para quem gosta de Inverno, e aproveita o dia de hoje para se deitar ainda mais cedo, se embrulhar em mantas, e sopas, e chás, e séries, e tudo de bom que o Inverno tem.

Para quem não gosta do Inverno, tenho também boas notícias: daqui a 3 dias é Natal, e uma semana depois é Passagem de Ano. Entretanto já passou o solstício e nem perceberam; os dias já serão maiores que o de hoje, a partir daí as horas de luz solar vão aumentando de dia para dia, e sem darmos por ela estamos estendidos na praia a apanhar banhos de sol. 

Já vos disse que sou mais positiva que um protão, não já?

19
Dez16

Ilusions, ilusions...

Com que então pensavas tu, Ana Margarida, que que os atentados à dieta iam começar apenas no dia 24, heim? Até já tinhas tudo programado, com uns pequeno-almoços mais fortes, sopa antes das refeições e muita água para evitar a fome; se a coisa fosse bem feita, chegarias à primeira semana de Janeiro apenas com uns míseros 2kg a mais agarrados à cinta ou às anca. 

O que te escapou foram os jantares de Natal. Sim, esses 3 bombardeamentos nos últimos 4 dias (e amanhã mais um), que já fizeram as calças hoje de manhã parecem mais justas. Vai correr pequena lontra, vai. E pelo caminho compra gengibre para fazer chá, a ver se ainda vais a tempo de remediar alguma coisa.

 

 

16
Dez16

Roupa nova para o blog

Quando voltei ao blog (em Setembro), percebi que o antigo layout já não se identificava comigo. Continuo a gostar de cor-de-rosa, flores, brilhantes, purpurinas e piroseiras mas não no mesmo estilo. Não estava segura se o meu retorno ia ser para ficar ou sol de pouca dura, por isso na altura decidi não perder o meu tempo e "lavar" apenas a cara do blog com um templat do sapo, assim com um ar clean.

Pois bem, já passaram 4 meses de posts quase diários (aqui o blog só trabalha a dias úteis) portanto achei que já era altura de o empiriquitar um bocadinho aqui ao gosto da pessoa que o escreve. Não me importa se estamos no Inverno, e se as inspirações são outras; continuo a ser a Margarida que gosta de cor de rosa, flores, brilhantes e purpurinas.

Querido blog, cá está o teu presente de Natal. Espero que gostem!

15
Dez16

Modas, eu sei.

Aqui a pessoa que vos escreve é a pessoa que menos gosta de ir às compras, porque é forreta e porque tem mais que fazer do que passar uma manhã ou uma tarde a vestir e a despir roupa. Posto isto, acaba muitas vezes por comprar roupa sem experimentar seja em lojas ou online, que ora fica mais justa, ora fica mais larga. Não é pessoa para se preocupar muito com isso, e muito menos se importa com o que os outros vestem; sejam eles metaleiros, hippies, geeks, betos, hipsters ou whatever.  Mas digam-me lá que alguém no seu perfeito juízinho compra umas calças destas?

Screenshot_20161214-210505.jpg

15
Dez16

Isto é amor

Acordei com o despertador às 6.30h, e ouvi o Bruno já tomar o pequeno almoço. Ponderei continuar a dormir ou levantar. Levantei-me. Tinha um monte de coisas a fazer antes de sair para o trabalho entre pôr roupa a lavar e secar, tratar de umas papeladas domésticas e passar no supermercado. 

Assim que entrei na cozinha, fui ter com ele e enfiei a minha cara sonolenta no pescoço dele. 

- "Vai dormir mais um bocado, não precisas de te por a pé tão cedo."

- "Tenho muita coisa para fazer e já estou a pé."

- "Vai lá dormir mais um bocadinho, deixas isso para o fim do dia e eu ajudo-te no que tiveres a fazer."

É por estas e por outras, que mesmo passados 12 anos, acho que cada dia gosto mais dele. 

14
Dez16

Ás memórias do facebook

Acho que foi uma coisa de génio a função do Facebook nos dizer o que fizemos em cada dia do mês dos anos anteriores. Farto-me de rir com memórias de há 6 anos atrás, com fotos que fui perdendo porque os telemóveis avariavam, porque as pen's e os cartões de memória se perderam e que já nem me lembrava que as tinha tirado. O facebook para além de tudo o resto serve também como "livro de recordações", mostrando todos os dias como era a minha vida de há 6 anos para cá. 

Ontem fui lembrada que em 2011 estava eu a fazer o meu estágio em animais de produção, coisa que não me apaixonou completamente na altura (e que me pareceu durar mil anos, diga-se de passagem). Lembrei-me especificamente de um senhor, dono de uma produção leiteira, extremamente simpático e com uma mentalidade muito "à frente" comparado com os seus concorrentes. 

Este senhor contactava frequentemente escolas para propor visitas de estudo à sua exploração porque "lhe fazia confusão que as crianças pensassem que o leite vem de pacotes do supermercado". Apesar dos seus poucos estudos, gostava de saber exactamente o que era uma bactéria, um vírus e um parasita, qual a sua forma de transmissão e possíveis tratamentos. Queria saber mais sobre cada doença, e de que forma podia proteger os seus animais. Todas as suas vacas tinham nomes e vinham ter com ele quando as chamava - gostavam especialmente dos mimos do dono. Tentava passar esta paixão aos seus filhos, e estava a ter sucesso porque não vejo outro motivo para dois adolescente acordaram mais cedo, irem ao monte apanha erva fresquinha para as vaquinhas "só porque elas gostam muito", do que uma grande paixão pelos animais. E não, não é isto que se vê todos os dias numa exploração.

O que o Facebook me lembrou ontem exactamente foi algo que o senhor me disse no dia 13 de Dezembro de 2011 por volta da meia-noite quando fomos chamados para um parto complicado: "A menina é como uma estrela, entra aqui e ilumina a vacaria toda!". 

Acho que foi a coisa mais pirosamente fofa que já me disseram, e lembro-me perfeitamente que aquelas palavras me aqueceram o coração e me deixaram com um sorriso estúpido na cara mesmo estando a trabalhar a meio da noite numa altura em que comecava os dias às 5h da manhã, num estágio escolar e completamente gelada. O mesmo sorriso estúpido que me apareceu na cara ontem quando revivi tudo na minha cabeça. Obrigado ao Sr. Produtor de Leite. Obrigado Facebook. 

Pág. 1/2

Mais sobre mim

foto do autor

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2012
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2011
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2010
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D